Como Conservar a Pintura do Carro? Dicas Essenciais

Confira neste artigo as melhores dicas para conservar a pintura do seu carro, e porque é importante proteger e conservar a pintura automotiva.

como conservar a pintura de um carro

Saber como conservar a pintura do carro é essencial, e isso não é apenas uma questão de estética, mas uma forma de garantir uma melhor valorização do veículo quando for vendê-lo. Sem falar que ao proteger a pintura você também estará impedindo problemas na sua lataria, e um dos principais deles é a corrosão.

Praticamente todos os dias os veículos sofrem algum tipo de dano com agentes externos que prejudicam a lataria e a pintura do automóvel como por exemplo a chuva, o sol muito forte, dejetos de pássaros entre outros. E esses agentes são muito mais danosos caso o carro fique estacionado em lugares sem cobertura e ao relento, e não em garagens ou vagas que são cobertas.


Por isso, como o nosso único interesse é ajudar você leitor, preparamos um guia completo com as melhores dicas de como conservar a pintura do seu carro. Então, fique conosco até o fim dessa breve, mas importante leitura e mantenha a pintura do seu automóvel sempre bem conservada.

Por que é importante conservar e proteger a pintura do carro?

Da mesma forma que você deve manter a manutenção do seu automóvel sempre em dia para poder rodar por ai tranquilamente, você também precisa cuidar da pintura do seu carro.

Tenha em mente que um veículo bem cuidado sofre menos com a depreciação do valor na hora da sua revenda, então não deixe de cuidar da lataria do seu veículo.


Melhores dicas de como conservar a pintura do carro:

Agora que já sabe porque é tão importante cuidar da pintura do seu veículo, confira as melhores dicas para mantê-la sempre conservada, bonita e brilhante. Segue as dicas:

Lave o carro com frequência e de forma adequada:

Mesmo sendo uma tarefa um tanto fácil de ser realizada, saiba que é necessário tomar alguns cuidados para que você mesmo não venha a riscar a pintura no momento da lavagem se por ventura acabar usando materiais inadequados para fazer essa limpeza.

Por isso, sempre comece lavando o seu carro de cima para baixo sempre usando um shampoo automotivo, use também uma luva de microfibra e para secar de preferência por tecidos de microfibra também.

Lave o carro sempre na sombra:

Sempre lave o seu automóvel na sombra, pois saiba que o sol faz com que a água evapore rapidamente, e isso pode manchar a pintura. E não esqueça que o veículo deve estar com a lataria sempre fria também no momento da lavagem.

Faça uma aplicação de cera com frequência:

Depois de lavar e secar o carro na sombra, aplique uma boa cera automotiva, além de dar aquele brilho ela irá proteger a pintura contra raios solares UV.

Faça a aplicação da cera pelo menos uma vez por mês sempre em movimentos circulares, e faça isso na sombra também. Geralmente as ceras mais comuns tem uma duração de 1 mês, e as ceras profissionais de 6 meses. Assim com o tempo a cera irá criando uma camada protetora na pintura.

Utilize para a lavagem produtos específicos:

Um outro fator que deve ser levado em consideração para preservar a pintura é fazer uso de produtos automotivos específicos para isso, assim evitará danos e irá obter melhores resultados.

Por isso esqueça os produtos caseiros como sabão em pó, detergente e querosene, esses produtos possuem um pH e composições químicas que prejudicam a pintura. Justamente por isso use produtos adequados para a lavagem.

Proteja o carro da chuva:

Outra dica é procurar sempre que puder não deixar o carro na chuva, a mesma quando seca na lataria do automóvel provoca manchas, sem falar que muitas chuvas são ácidas e podem causar danos ainda piores na pintura.

Nem sempre da pra evitar, mas sempre que puder de preferência à lugares cobertos quando for estacionar.

Não estacione debaixo de árvores:

Se puder não estacionar embaixo de árvores melhor, claro que nem sempre isso é possível, elas até podem proteger o carro contra os raios solares, mas no entanto o veículo irá ficar sujeito a queda da seiva das árvores, dos frutos que podem amassar a lataria, sem falar nos dejetos dos pássaros.

Entenda que todos esses contaminantes poderão manchar a pintura acelerando assim o seu desgaste.

Cuidado com a capa protetora:

A capa automotiva protetora pode sim proteger a pintura do seu carro, mas ela também pode riscar a pintura no momento que você estiver colocado ela ou então retirando ela.

Justamente por esse motivo o uso da capa é mais indicado para automóveis que passam mais tempo dentro da garagem.

Sem falar que ela favorece a umidade, ou então impede que a umidade já existente seque mais rapidamente, resultando em manchas e até mesmo ferrugem.

Evite deixar o carro exposto ao sol por muito tempo:

O verniz da pintura já possui uma proteção contra os raios do sol, mas tenha em mente que a exposição do seu veículo a altas temperaturas por muito tempo poderá desbotar e também provocar pequenas rachaduras na pintura.

E com o passar do tempo o acúmulo da umidade irá causar ferrugem, justamente por esse motivo evite a exposição prolongada do seu carro ao sol.

Sempre que for possível de preferência por guardar seu veículo em lugares cobertos, como sua garagem ou estacionamento com cobertura.

Cuidado quando for abastecer:

Tome muito cuidado quando parar em algum posto de combustível para abastecer seu carro, respingos de combustível poderão manchar a pintura do mesmo, então depois do tanque já abastecido não custa nada conferir a superfície em volta da boca do tanque para averiguar se ela não ficou suja.

Com o passar do tempo essas manchas são irreversíveis, e somente uma nova pintura irá solucionar esse problema.

Faça uma cristalização automotiva:

Caso não saiba o que é, a cristalização é um processo normalmente feito por centros de estética automotiva, onde o procedimento consiste em uma aplicação de uma camada fina de resina a base de teflon na lataria do carro.

Essa aplicação resulta em uma maior proteção, durabilidade e aumento do brilho na pintura do carro.

Faça também uma vitrificação:

A vitrificação automotiva também é realizada em centros estéticos automotivos, e nesse processo será aplicado na lataria do carro o vidro líquido, ela nada mais é que uma película de alta resistência que tem como objetivo proteger a pintura contra ações do clima, raios UVA, sujeira, seivas de árvores entre outros agentes externos.

A mesma irá acentuar o brilho promovendo um efeito hidrofóbico tornando a superfície do automóvel repelente a água.

Realize uma descontaminação da pintura:

Muitas sujeiras visíveis são sim eliminadas da lataria depois de uma boa lavagem, no entanto saiba que a lataria acaba com o tempo acumulando certos contaminantes que não são visíveis a olho nu, como por exemplo a fuligem, o piche entre outros.

Então para conseguir fazer uma remoção completa dessa sujeira é necessário fazer uma descontaminação da pintura. Esse processo trata-se da aplicação de uma massa de polir abrasiva, conhecida também como barra descontaminante.

Após sua aplicação que deve ser feita por profissionais a pintura ganha muito mais brilho e vida e fica livre da sujeira.

Atenção quando for manobrar para estacionar:

Tenha muita atenção quando for manobrar o veículo para estacionar, principalmente em vagas apertadas, assim estará evitando raspar em outro carro e ter sua pintura riscada ou até mesmo amassada.

Por isso, o recomendado é fazer uso de alguns equipamentos como sensores e câmeras de ré.

Evite lava rápido automático:

Claro que um lava jato automático é bastante cômodo, ainda mais com a correria do dia a dia, mas saiba que esse equipamento é um tanto perigoso e pode causar riscos na pintura do veículo. Por isso procure evitá-los ao máximo se puder.

Dirija sempre com atenção e cuidado:

Muitos danos causados na pintura podem ser produzidos por pequenos objetos e também por pequenas pedras que acabam batendo na lataria quando você está dirigindo, por isso de sempre preferência pelas ruas asfaltadas, mas se precisar pegar uma estrada de chão de terra, procure reduzir a velocidade e redobrar à atenção.

E outra dica é para tomar muito cuidado com ruas que foram recentemente asfaltadas, pois o piche pode grudar na pintura e só uma descontaminação ou um bom polimento para conseguir removê-lo depois. Se puder evitar ruas recentemente asfaltadas melhor.

Caneta automotiva:

Uma forma para você conseguir disfarçar os micro riscos da pintura do seu carro é fazer uso da caneta automotiva, a mesma oferece várias tonalidades de cores e até mesmo pode ser transparente.

Ela tem o objetivo de vedar o metal evitando que a lataria venha enferrujar. Mas a nossa recomendação é que procure por alguma empresa especializada para fazer o serviço, pois assim não corre o risco de errar na tonalidade da cor, sem falar que o serviço estará garantido e bem feito.