Como Funciona o Motor de Arranque de Um Automóvel?

Neste guia simplificado você vai entender como funciona o motor de arranque de um carro. Quais são os seus componentes e suas funções. Vai saber para que serve o motor de partida. Seus principais defeitos e cuidados com a peça.

qual é a função do motor de arranque dos automóveis

O próprio nome da peça já diz para que ela serve. Mas será que você sabe como funciona o motor de arranque de um automóvel? Também muito conhecido e chamado de motor de partida, é uma peça essencial para que o motor possa funcionar corretamente. Está peça é responsável por fazer o motor dar os seus primeiros giros, quando se da início aos ciclos de combustão interna, que faz o carro entrar em movimento saindo do lugar.

Talvez você não saiba disto, mas a muito, mas muito tempo atrás os automóveis necessitavam digamos assim que de uma forcinha extra para poderem pegar. Era preciso girar uma manivela grande que ficava na parte externa do motor, onde ela era conectada diretamente ao eixo virabrequim.


Mas graças a tecnologia está manivela foi substituída pelos motores elétricos, no caso o motor de arranque. E depois disto então ninguém mais iria precisar ficar girando uma manivela pesada para o veículo poder funcionar.

E como nosso único interesse aqui é ajudar nossos leitores, preparamos este conteúdo para tirar todas as suas dúvidas sobre o que é o motor de arranque ou motor de partida de um automóvel, quais são os seus componentes, para que serve a peça, como funciona, principais problemas, cuidados e mais. Então, fique com a gente até o fim da leitura.

O que é o motor de arranque de um veículo?

O motor de arranque ou então motor de partida como é chamado por muitos, inclusive mecânicos é um motor elétrico que possui escovas onde sua função é fazer a transformação da energia elétrica em energia mecânica.


A peça, caso não saiba, é desativada automaticamente depois que a partida no automóvel é dada, ela só funciona quando a chave da ignição da partida é ligada/girada. Ficando depois disso totalmente inoperante mesmo quando o motor do veículo está em funcionamento.

O motor de arranque está localizado junto ao sistema de transmissão e ao volante do motor nos automóveis, sendo este um componente muito importante, já que é ele o grande responsável por colocar o motor em funcionamento, proporcionando que o mesmo se movimento posteriormente.

E como a peça fica praticamente mais tempo parada do que funcionando, ela apresenta menos desgaste e problemas se compradas com outras peças de um carro.

Componentes de um motor de partida e suas funções:

Agora que já sabe o que é o motor de arranque de um carro, é essencial que também conheça quais são os seus componentes e as suas funcionalidades:

  1. Suporte dianteiro: responsável pela fixação do motor de arranque no automóvel fazendo assim a sustentação do conjunto girante;
  2. Chave magnética: está chave é responsável por fazer o pinhão girar;
  3. Conjunto de comando: sua função é transmitir o movimento de translação ao longo do eixo para o arrastador assegurando assim o retorno do mesmo até o final da partida do motor do veículo;
  4. Indutor: o indutor serve para criar um campo magnético de repulsa;
  5. Induzido: o induzido faz girar o pinhão através do campo magnético de repulsa;
  6. Porta-escovas: responsável por alojar e guiar as escovas garantindo assim força de contato mecânico entre as escovas e o coletor do induzido, permitindo desta forma a passagem da corrente;
  7. Mancal traseiro: ele protege o induzido e deixa ele centralizado, desta maneira ele consegue sustentar o conjunto girante;
  8. Impulsor: é o pinhão responsável por transmitir a força inicial para o motor do automóvel. Então, na hora que a velocidade do motor for superior que a do motor de arranque o pinhão girará livremente.

Como funciona o motor de arranque de um automóvel?

O motor de partida de um carro funciona através da energia da bateria do veículo, está energia é passada pelos componentes do motor de arranque para então ser intensificada e assim poder gerar ao motor do veículo a potência que ele necessita para poder se movimentar inicialmente.

Depois de algumas rotações o motor do automóvel já consegue se movimentar por si só com seu ciclo interno de combustão.

Para que serve o motor de partida de um carro?

O motor de arranque serve para fazer a transformação da potência elétrica em mecânica para dar início aos primeiros movimentos do motor dos nossos automóveis.

No caso dos veículos considerados mais leves, como carros, dentro do motor de arranque existe um pinhão e nele tem uma pequena engrenagem em sua ponta, e é está engrenagem que está conectada ao volante do motor.

O que pode acontecer se o motor de arranque não funcionar?

Se está peça ou algum de seus componentes não estiver funcionando da forma correta, isto então irá causar dificuldades para dar a partida no carro. Sendo assim, dependendo de onde estiver com o automóvel será até mesmo necessário dar um tranco no veículo para ele pegar.

Mas aí é que está o problema, muitas vezes está prática pode prejudicar outras peças como por exemplo o câmbio. Sendo assim, logo que percebido que o automóvel não quer ligar por algum defeito no motor de arranque é essencial procurar ajuda profissional em uma auto elétrica ou uma oficina mecânica de sua confiança.

Principais problemas e defeitos do motor de partida de um automóvel:

Agora que já entendeu o funcionamento da peça, e já sabe também para serve, e o que pode acontecer se a mesma não funcionar corretamente. Saiba quais são os principais defeitos que o motor de arranque pode apresentar:

  1. Escovas: quando você der a partida no seu carro, e sentir que o primeiro giro do motor de arranque está de certa forma pesado, tenha em mente que pode ser algum problema nas escovas. Se o profissional responsável realmente comprovar que é este o problema a solução é simples e barata;
  2. Automático da partida: também conhecido como chave magnética, o automático de partida é a peça do motor de partida responsável por gerar o campo magnético criando assim os primeiros giros iniciais. E se o mesmo apresentar problemas provavelmente o veículo não ligará. Então, se der a partida e ouvir algum tipo de estalo saiba que o defeito é no automático, e para resolver só trocando;
  3. Induzido: o induzido é a peça que se localiza bem próxima ao bendix e a bobina, sua função é agir como um condutor para as ondas elétricas, por isto ela circula fazendo com que ou outros componentes trabalhem da forma adequada. Saiba que sem está peça a corrente apresentará problemas. Os principais causadores de problemas no induzido são a utilização constante do motor de partida, ou então quando o bendix fica preso ao volante. Na verdade os sinais são bastante parecidos com os do defeito na escova. Assim sendo, se o defeito for mesmo no induzido é melhor fazer a substituição completa, mas antes consulte um profissional;
  4. Bendix: conhecido também como pinhão, este componente é responsável por transmitir o giro do volante até o motor. Quando comparamos ele com as outras peças que estão envolvidas na partida do veículo, tenha em mente que é ele que mais está sujeito à pressão, justamente por isto pode dar algum problema mais rápido;
  5. Ruídos ou barulho ao ligar ou desligar o carro: ruídos ou barulhos estranhos ao ligar ou desligar o automóvel são os sinais e os indícios mais claros de que alguma coisa não está bem. E quando o assunto é motor de arranque, possivelmente o problema está no rolamento, pois ele não faz uso de nenhuma correia. Mais uma vez recomendamos procurar ajuda de um profissional.

O que pode estragar ou danificar a peça?

Um dos principais causadores de problemas e falhas na peça com toda certeza é a falta de manutenção. Mas não podemos deixar de citar que alguns fatores externos também podem danificar o motor de arranque e também acelerar o processo de desgaste principalmente dos componentes que tem contato elétrico e mecânico, no caso o movimento.

No entanto, existem outros fatores como por exemplo as vibrações provenientes do motor, possível instalação mal feita, e também contaminação por óleo, água e poeira externa.

Como saber se o problema é no motor de partida ou na bateria do carro?

Conforme já explicado anteriormente, o motor de arranque é alimentado pela bateria do automóvel, então se por ventura não tiver carga o suficiente nela, tenha em mente que o motor de partida não será acionado.

Quando se gira a chave no seu 1º estágio, o símbolo da luz da bateria tem de se acender no painel, mas caso isto não aconteça, com toda certeza o problema é na bateria.

E caso a luz da bateria se acender quando se gira a chave no 2º estágio, e você notar que o motor de arranque está girando de forma lenta e não consegue fazer o motor do veículo funcionar, e no painel indica que a bateria está com carga baixa, o problema também é na bateria.

Mas se ao ligar seu automóvel, e você vier a ouvir tipo um estalo, e nenhum som de acionamento for emitido, neste caso o problema é mesmo no motor de arranque.

O que pode acontecer se o motor de arranque queimar?

Saiba que quando o motor de partida queima fica impossível ligar o carro, e neste caso o que precisa ser feito é levar seu veículo até uma auto elétrica ou até uma oficina mecânica de sua confiança para que um profissional possa fazer uma verificação.

Depois da verificação o profissional irá te dizer o que aconteceu e se da para fazer a troca dos componentes danificados, ou então se precisará fazer a troca por um novo motor de partida.

Qual é a duração do motor de partida de um automóvel?

O tempo de vida útil do motor de arranque de um automóvel é mensurado em número de partidas, onde o mesmo tem um ciclo que pode variar entre 60 mil que é o mínimo, até mesmo 150 mil partidas em caso de veículos mais atualizados e novos.

Então, se levar em consideração que um carro de passeio rode 12 mil quilômetros ano, a peça pode durar até 10 anos ou mais. E isto sem ter a necessidade de fazer a substituição de nenhum componente.

Mas vale lembrar que para o motor de partida durar mais tenha em mente que todo o sistema como a bateria, o alternador, fios e cabos estejam também em perfeitas condições.

Quanto custa o motor de arranque de um veículo?

O preço do motor de partida de um carro pode variar de um modelo para outro, e também de uma marca para outra. Outro fator que também pode influenciar no valor da peça é a região do Brasil.

Como sabe, preços de muitas coisas variam de uma localidade para outra, e com as peças de veículos não seria diferente.

Como cuidar do motor de arranque do carro?

A única forma de você cuidar do motor de partida do seu automóvel é fazendo manutenções regularmente no seu veículo. Está é a única maneira de prolongar a vida útil tanto desta peça essencial para ligar o carro, quanto das outras peças também.